“Esta ordem [a nova ordem mundial] está sendo implementada através da aplicação de uma fórmula maçônica: ordo ab caos (a ordem através do caos). Como interpretar essa fórmula, a ordem a partir do caos? Ugo Gorel Porciatti, um maçom de altíssimo nível (33º grau), explicou do que se tratava: ‘Só se pode chegar a uma nova ordem por meio de uma desordem habilmente organizada’. E o que estamos testemunhando agora é a implementação dessa desordem habilmente organizada, mais do que a elaboração de uma ordem que se constrói. Essa desordem é essencial para a construção da nova ordem. Ordo ab caos: ou seja, primeiro o caos e depois a ordem. (…) A abolição das soberanias nacionais, objetivo político do globalismo, não pode ser alcançada, de fato, antes que os cidadãos dos vários países se tornem incapazes de reagir, completamente impotentes ou imbecilizados. Portanto, é importante criar essa desordem antes de passar para a fase política definitiva. O que estamos vendo, agora, é esta desordem organizada; a fase política do governo mundial ainda está em sua fase de gestação.”